REVIEW: Ittle Dew 2 (PC, PS4, XB1)

Ittle Dew 2 (PC, PlayStation 4, Xbox One)
Data de lançamento: 15 de Novembro de 2016
Desenvolvedora: Ludosity
Publisher: Nicalis
Preço: U$19,99

Assim como seu predecessor, Ittle Dew 2 é um action-adventure inspirado nos jogos de visão isométrica da franquia The Legend Of Zelda, mas dessa vez o escopo é bem maior.

A aventura começa com Ittle e sua raposa voadora Tippsie se vendo presos em uma nova ilha e tendo que arrumar 8 peças de madeira para construir uma jangada e sair de tal ilha. Ittle e Tippsie então devem resolver puzzles e batalhar contra inimigos em 8 dungeons pra conseguir tais peças. Conceito bem simples mas que é trabalhado de forma bem divertida aqui.

Depois de um pequeno período de tutorial o jogo te deixa livre pra explorar e escolher a ordem das dungeons que você quer conquistar, porém eu recomendo ir na ordem aconselhada pra seguir gradualmente a escala de dificuldade. No começo o combate é bem simples tendo só um botão de ataque, mas ao decorrer da aventura Ittle ganha novos items que servem tanto pra puzzles quanto pra combate.  Além das oito dungeons principais o mapa apresenta algo em torno de 100 pequenas cavernas, que podem podem ser tanto atalhos pra melhor movimentação entre as oito áreas da ilha ou conter puzzles ou ondas de inimigos, dando como recompensa ao jogador upgrade em equipamentos ou itens.

Apesar de ter um sistema interessante de status e efeitos no combate como maior resistência temporária, maior poder de ataque e coisas do tipo, o jogo raramente apresenta alguma dificuldade maior ou complexidade nas batalhas, e o mesmo vale pra maioria dos puzzles.  Apenas o segmento final de combate se destaca, combinando de ótima forma as simples camadas apresentadas no decorrer do jogo.

O destaque mesmo de Ittle Dew 2 esta presente no roteiro e no visual da ilha. O jogo é divertidíssimo, nunca se levando a sério e fazendo piadinhas com tudo. As dungeons tem temas inusitados como uma exposição de arte, um porão com problemas de infiltração e um forte de travesseiros. Ittle e Tipssie levam  a aventura inteira na brincadeira, caçoando de inimigos e notando todo tipo de piada visual do cenário. Os ”habitantes” da ilha também fazem sua parte resultando em interações bem engraçadas com Ittle.

Por mais que no conceito o jogo tenha uma história um pouco genérica, ela só esta ali mesmo pra servir de pretexto para a narrativa hilária construída pelos diálogos e aspectos visuais implementados pela Ludosity.

Os aspectos artísticos são outro ponto forte nessa sequencia, com um grande aprimoramento visual em relação ao primeiro. Design de inimigos, detalhes do cenário, animações, todos harmonizando de forma bem charmosa os visuais 3D com a visão isométrica. A trilha sonora também é outra que casa perfeitamente com as diferentes áreas da ilha, dando continuidade ao tom de diversão a atmosfera do jogo. Único problema pra mim foi o uso do mapa pra se situar na ilha. Apesar da interface de usuário ser no geral ótima e direta, o mapa poderia ser um pouco mais interativo e informativo.

VEREDITO

Apesar de se basear em mecânicas já estabelecidas e ir numa rota mais confortável e simples em relação a combate e puzzles, Ittle Dew 2 ainda consegue se destacar pera originalidade dos seus diálogos, personagens e mundo. São poucos jogos que conseguem me fazer rir e jogar praticamente uma aventura toda como essa com um sorriso no rosto por quase todo o tempo. Ittle Dew 2 se leva bem pouco a sério que faz com que seja um produto interessantíssimo pra quebrar esse ritmo de jogos super sombrios e sérios (que eu também aprecio) que são muitas vezes foco da industria. Jogo simples e divertido

NOTA 8/10


O review foi baseado em uma cópia de PlayStation 4 fornecida pela developer

 

Compartilhe:
  • Patrick Reis

    Ótimo review. Que descoberta fantástica.. não conhecia o game, mas fiquei louco de vontade de Jogar já que estou na espera angustiada do novo Zelda.. Comecei agora OceanHorn e adicionarei esse a lista.

  • Samuel Cabral

    Gostei de ter um review aqui no site e bem resumido, não cansa de ler.. show de bola!

  • Pingback: Reloading #088 – Banindo Cachorros Pelados – Podflix - Podcast()