0

Carregamento total do Nintendo Switch chega a 41.67 milhões de unidades.

A Nintendo divulgou nesta madrugada seu relatório financeiro sobre o Q2 e os seis primeiros meses deste ano fiscal. Nele, ela confirmou que despachou 4.8 milhões de Nintendo Switch’s entre Junho e Setembro, o que leva o carregamento total despachado ao número de 41.67 milhões de unidades. Depois de um Q1 fraco, estes são números fortíssimos para o Q2, que botam o carregamento total despachado da primeira metade do ano fiscal em 6.93 milhões, representando um aumento de 37% quando comparado ao mesmo período do ano anterior.

As principais razões do bons números são o lançamento do Switch Lite, a versão somente portátil e mais compacta do console, que moveu 1.95 milhões de unidades em apenas dez dias após seu lançamento em 20 de Setembro, e também o grande lineup de jogos first-party que a Nintendo publicou no período, incluindo Fire Emblem Three Houses, Marvel Ultimate Alliance 3, The Legend of Zelda Link’s Awakening, Astral Chain e Mario Maker 2.

Fonte: Nintendo Investor Relations Information – Earnings Release: Six Months Ended September 30, 2019.

2019 tem sido um grande ano para o Switch em relação a dominação do mercado, liderando não só no Japão onde já era o caso, mas também nos Estados Unidos, devido ao sucesso próprio e a desaceleração natural de PS4 e XB1 que estão se aproximando do fim de seus ciclos. É provável que pela primeira vez desde seu lançamento, o Nintendo Switch seja o console mais vendido do mundo tanto no ano calendário quanto no ano fiscal, tirando o PS4 deste posto que ocupa a alguns anos. Depois de ultrapassar as bases totais de Wii U, Gamecube e Nintendo 64, a minha expectativa é que o híbrido passe também o Super Nintendo (que teve um carregamento total de 49.10 milhões) até o fim deste ano.

A Nintendo espera despachar mais 11.07 milhões de consoles até o fim do ano fiscal, que se encerra em Março do ano que vem. Diferentemente do ano anterior, é provável que ela consiga sim bater essa meta por conta de grandes lançamentos como Pokémon Sword & Shield, Luigi’s Mansion 3 e Animal Crossing New Horizon’s. Batendo esta meta, o carregamento total do Switch ficaria em 52.74 milhões em pouco mais de mais de três anos de lançamento.

Fonte: Nintendo Investor Relation Information – Dedicated Video Game Sales Units

Como de costume. a Nintendo também divulgou o carregamento total (cópias físicas despachadas + vendas digitais) de diversos softwares first-party. Como destaques do período analisado, ela mencionou The Legend of Zelda Link’s Awakening, que despachou 3.13 milhões de cópias em apenas dez dias de lançamento, e também Fire Emblem Three Houses, que com um carregamento total de 2.85 milhões de cópias, deve se tornar em breve o jogo mais vendido da série. Não foram divulgados números para Atral Chain e Marvel Ultimate Alliance 3, pois a Nintendo só divulga o carregamento total de jogos que venderam 1 milhão ou mais no período, então podemos concluir que ambos não chegaram nesta marca.

De jogos lançados em outros períodos, fica o destaque para Mario Kart 8 Deluxe, jogo mais vendido do console, que bateu a impressionante marca de 19 milhões de cópias despachadas, e também para Smash Bros Ultimate (15.71M), que passou Super Mario Odyssey (15.36M) e se tornou o segundo com maior carregamento do console.

Segue uma lista com os números atualizados até 30/09/2019 dos dez jogos first-parties com maior carregamento total:

  • Mario Kart 8 Deluxe: 19.01 milhões
  • Super Smash Bros Ultimate: 15.71 milhões
  • Super Mario Odyssey: 15.36 milhões
  • The Legend of Zelda: Breath of the Wild: 14.54 milhões
  • Pokémon Let’s Go: 11.28 milhões
  • Splatoon 2: 9.28 milhões
  • Super Mario Party: 7.59 milhões
  • New Super Mario Bros. U Deluxe: 4.59 milhões
  • Super Mario Maker 2: 3.93 milhões
  • The Legend of Zelda: Link’s Awakening: 3.13 milhões

Fonte: Nintendo Investor Relations Information