RELOADING #007 – Gears of War, Ouya e WTF Konami

reloading-07

Nesse episódio Bruno Carvalho, Edu Aurrai  e Felipe Mesquita  falaram sobre o possível Remake de Gears of War, novidades sobre Mighty Number 9, as dificuldades financeiras do Ouya e se perguntam: O que está acontecendo Konami???.

Duração: 85 min

 

Trailers comentados:

Xenoblade Chronicles X – Vários Trailers (WiiU)
Just Cause – Gameplay Trailer
Plano Estratégico: Konami 2015 (Imagem)

 

Envie seus e-mails com sugestões, críticas e comentários para ouvinte@reloading.com.br

Siga o Reloading no Twitter @reloadingbr

Assine o nosso Feed http://feeds.feedburner.com/reloadingBR

Ou no iTunes

Problemas para localizar o Reloading no seu aplicativo de podcasts? Em vez de buscar pelo nome tente usar o link no campo de busca => http://feeds.feedburner.com/reloadingBR

 

Compartilhe:
  • Paulo Carvente da Silva

    Olá! Bom, o Cast está no formato ideal pra mim, então não tenho mais
    nada a acrescentar tecnicamente, parabéns por aderirem ao Disqus

    Tema da semana… Agora um pouco mais calmo, depois dos 300 palavrões por minuto que eu fiz questão de expressar no último programa, coloquei um pouco de Jesus no coração e analiso da seguinte forma:

    Acho pouquíssimo provável!

    Entendo que seja apenas uma reestruturação do que uma desistência em si. Como trabalhei e trabalho em empresa enorme com centenas de diretores, meio que estou acostumado com as decisões em um primeiro momento bizarras que são tomadas nesse momento de reformulação. Sinceramente, percebo a movimentação e concordo com a análise de vocês, mas acredito mais em uma volta da Sega ao mercado de consoles do que num “falecimento” da Konami. (OLOKO BICHO!)

    Huuummmmm MAS quando se fala em empresas japonesas tudo pode acontecer! Em geral elas tem um modo de ver as coisas, totalmente diferente de nossos empresários ocidentais, um exemplo vivo disso é a SEGA.

    Como uma das maiores produtoras de conteúdo de games e consoles desiste de seu principal mercado? Simples! Eles são assim. Se pra empresa vale mais apena se sustentar através de pachinkos e vendas de direito de conteúdo original, manda bala! Os empresários japoneses em diversos aspectos são extremamente conservadores, claro não todos, mas uma grande maioria.

    A SEGA largou os consoles pra produzir jogos, a Konami pode largar a produção de jogos e ficar “alugando direito” de jogos. É possível, sei lá, uma UbiSoft da vida lançar um PES 2016 com a estampa da Konami no canto da caixa e pagar obviamente por isso, e no outro ano outra produtora fazer seu PES 2017. A Naughty Dog lançar um Sillent Hill e botar o logo da Konami ali no cantinho, claro pagando por isso.

    EU DUVIDO que ela simplesmente venda os produtos. É bem mais prático ficar tranquilo e sossegado “emprestando” seus vários produtos pras diversas produtoras ocidentais que ficariam doidas pra por a mão em franquias clássicas.

    O foda seria ter que aguentar a Nintendo lançando Castlevania nos consoles dela que só os fanboys e o Bruno compram.

    • http://reloading.com.br/ Edu Aurrai

      Cara, eu pensei também que terceirizar seria uma saída melhor, mas pelo que eles têm demonstrado, parece que nem esse risco eles estão dispostos a assumir. Afinal, ainda assim o negócio pode flopar. Na atual conjuntura me parece mais plausível eles largarem mão e venderem mesmo.

  • Robson Gonçalves

    O amor aos games não me deixa parar de escutar esse cast…
    No momento estou passando por uma situação muito delicada na familia, e só vocês para eu poder me desprender dessa realidade dura e amarga em troca de alguns minutos de informação e boas risadas.
    Já conhecia o trabalho do Bruno Carvalho de outro Podcast que ele participa, os demais participantes, Edu e Felipe, provam a cada programa que entendem do assunto e nos deixam opiniões coerentes e bem colocadas. Parabéns a todos!
    Continuem! Não Parem! Pois mesmo eu estando meio pra baixo, continuo firme e forte afinal, estamos numa troca mutúa aqui: Vocês com informação e entrentenimento, enquanto nós ouvintes com a motivação necessária para que sigam em frente e não deixem a qualidade do Reloading cair!
    “Tamo” Junto!
    Forte Abraço!

    • http://reloading.com.br/ Edu Aurrai

      Obrigado, meu amigo. Depoimentos assim como o seu são realmente motivantes. Espero que essa barra passe logo e garanto que estaremos aqui semanalmente pra te dar uma força, velho. Forte abraço pra ti.

    • http://reloading.com.br/ Edu Aurrai

      Tem um comentário do Bruno que o Disqus não tá querendo fazer aparecer sei lá por que, mas replico abaixo:

      Força aí Robson!

      Não sabemos qual a situação que te aflige nesse momento, mas
      fico lisonjeado de saber que o nosso “trabalho” ajuda a aliviar um pouco
      da carga/tensão nesse momento. É uma responsabilidade muito grande, que
      espero estarmos a altura.

      Muito obrigado pelo seu feedback e, principalmente, por estar conosco.

      Desejo que esse momento difícil seja algo breve…

      Um grande abraço,

      – Bruno Carvalho… “

      • Robson Gonçalves

        Grande abraço ao Bruno!
        Valeu pela força. Mas a vida é um grande espetaculo. O show não pode parar!
        Bola pra frente, que cabeça vazia é a oficina do diabo!

        High Five Galera do Reloading!

  • Sandro Delgado

    Baixando!!! Vamos as noticias!

    • http://reloading.com.br/ Edu Aurrai

      Manda ver, meu caro!

  • Rafael Santos

    Fala galera,

    Sou ouvinte de vários podcasts e esse é mais que entrou pra minha lista. Muito bacana ouvir as notícias da semana através da voz de um podcaster que já estou acostumado (Bruno 99 vidas) e bacana conhecer outros tbm. Não costumo navegar na web lendo notícias desse assunto, então pra mim é de ótimo proveito.

    Continuem nos atualizando sempre. A ideia sobre o Destiny news é boa hein Hahaha, jogo animal e que consome altas horas “semanais” durante o “anoitecer”

    Me adicionem e vamos fazer Raid Hahaha.

    Att
    rafilllks

    • http://reloading.com.br/ Edu Aurrai

      Opa, valeu, man! Pode deixar que a gente te atualiza sobre as notícias, hehe. Volte sempre.

  • Júlio

    Remake/Remaster do Symphony of the Night pro 3ds ia ser perfeito.

    • http://reloading.com.br/ Edu Aurrai

      Seria. Assim como um remaster HD. Eu compraria sorrindo.

  • Bruno Davide

    Óia, o site tá centralizado 😀
    Confesso que me incomodava quando não era. kkkkkk

    • http://reloading.com.br/ Edu Aurrai

      Pois é, dei um jeito nessa parada. Essa semana eu tô onfire.

    • http://reloading.com.br/ Edu Aurrai

      Agora tá com um visual mais maneiro também e uma corzinha bacana de fundo.

      • Bruno Davide

        Ta ficando cada vez mais lindiu.. 😉

      • Bruno Davide

        Só falta um logo agora. haha

  • Carlos Luiz S. Junior

    Excelente programa!

    • http://reloading.com.br/ Edu Aurrai

      Valeu, parceiro!

  • AdãoKame

    òtimo Cast, comecei a acompanhar devido ao 99vidas, mas sabendo que o bruno estaria no projeto já era certeza de um conteúdo de primeiro, e os demais integrantes vieram para agregar ainda mais conhecimento, percebe-se que não são apenas comentaristas e sim Gamers que jogam de verdade.
    Esta semana não tem como negar o assunto que mais chamou atenção foi as decisões loucas da KONAMI, eu acredito que ela não esteja abandonando o barco e sim reformulando a casa, na administração conhecemos isso como Downsize, ou seja diminuir o tamanho para organizar a base.
    Ela não perdeu o Kojima, acredito que ele tenha solicitado sua saída devido a essa reformulação, há momentos na vida de um profissional que ele deseja andar com as próprias pernas e no caso do kojima ele não precisa de um estúdio por trás, até porque não vai faltar grana para os projetos dele e oque ele faz é mais procurado que água benta kkkkkk.
    Quero ver Konami forte no cenário de games,único erro que vejo dela é cancelar o PT, mas PT sem o KOJIMA já não seria o mesmo então em vez de arriscar um fracasso melhor cancelar mesmo, uma perca para os fãs, mas confiamos no Kojima em fazer algo parecido agora com as próprias pernas.

    Vida longa e próspera as amigos RELOARDERS……

    • http://reloading.com.br/ Edu Aurrai

      Obrigado, amigo!

      Tem uma galera aí até com petição pra tentar trazer o jogo de volta, hehehe. Na atual conjuntura, podia mesmo ir o Kojima e o projeto pra outro canto, mesmo que mude de nome.

    • Robson Gonçalves

      Lembrei que havia comentado com um amigo a possibilidade que vocês haviam levantado sobre a Komani sair do mercado de games, ele só faltou dar na minha cara, dizendo que era impossivel, que não podia fazer isso pra quem joga Video Game, que é uma falta de respeito, blá blá blá
      Parei com a discussão (o cara é praticante de Judô, vai que resolve dar fim a nossa amizade com um Ippon)… Como foi dito no cast: a Konami não depende só dos Games pra se manter não é!?

  • Jefferson dias

    Po! Forçaram a amizada comparando Castlevania SofTN com aquela coisa chamada Destiny, falaremos sobre quem é melhor daqui a 9anos(?) quando o jogo terminar seu desenvolvimento hahahahahahaha

    • http://reloading.com.br/ Edu Aurrai

      Senhor Felipe Mesquita deve uma desculpa pública por isso, hahahaha.

      • Felipe Mesquita

        Quem trouxe essa questão a mesa foi o Sr Carvalho, só concordei por livre e espontânea pressão!

  • Darth Paul Poor Traaais

    Tudo na vida tem começo, meio e fim. Consoles, jogos, empresas que criam jogos, etc. Não sei onde a Konami vai parar mas uma possível morte dela não “mataria” os títulos que foram se tornando consagrados ao longo dos anos. A Lucas Arts e seu Grim Fandango são um exemplo…

    • http://reloading.com.br/ Edu Aurrai

      Pois é, é o que falamos, ou eles terceirizam ou vendem logo as IPs, porque gente interessada acho que vai ter. Mas, mesmo assim, vai ficar aquele sentimento quando não tiver o logo no game, sabe? Por exemplo, eu tô num hype absurdo pro novo Star Wars, mas acho que vou ficar meio chateado de não ouvir a fanfarra da FOX logo no início. Meio que uma bobeira nostálgica, fazer o quê…

  • Jeovane Neri

    Fala galera do Reloading tenho pergunta a levantar aqui, as desenvolvedoras de games japonesas estão em sua maioria deixando os consoles e migrando para os mobile?#ripkonami.

    • Felipe Mesquita

      Analisando o mercado japonês atual, alguns estúdios de de pequeno e médio porte já mudaram seu business para mobile, e até as grandes tem dado um foco maior pra esse segmento. A Square por exemplo, mesmo com vários titulos para consoles e portateis, tem uma representação muito grande nos smartphones e tablets.

  • Fernando Turatti

    Sobre o F1 2014: ele existe e é um bom jogo pra quem curte simulação e F1. Porém, mesmo tendo o 2014, irei pagar a plus só pra ganhar o 2013 por um motivo simples: ele tem carros das décadas de 70, 80 e 90… Alguns já no jogo, outros por DLC(finalmente um maldito DLC que vale a pena!).
    Pilotar com um carro da época dos motores mais potentes da F1(1986) não tem como não curtir!

  • Schmidt

    Konami deixando o mercado de games como conhecemos, já estavam nesse movimento a algum tempo. E a 1 semana atrás comentei em outro site que era evidente que a konami esta mudando como empresa, eles tem franquias maravilhosas porem não são rentáveis, nem mesmo a mais famosa de todas é tão rentável assim. MGS é caro de produzir, ainda mais com todos os detalhes e qualidade quo Kojima põe. Muitas vezes temos uma visão apenas de jogador e deixamos de ver que uma empresa tem de ganhar mais do que gasta pra sobreviver e pra konami os games a um bom tempo não dão o lucro esperado…tchau Konami, te vejo no pachinko!

    • http://reloading.com.br/ Edu Aurrai

      Será que uns Castlevanias “old school”, naqueles esquemas de jogo “indie”, com um marketing viral bacana, não virava? Não pra Konami em si, mas numa suposta compradora da IP?

      • Schmidt

        A Konami tem franquias IP ótimas nas mãos, mas o que parece é uma total falta de tato com seus próprios games. Com certeza com um pouco de boa vontade e a equipe certa iriam ganhar muita grana, porem as desenvolvedoras e o Japão como um todo no cenário gamer estão mudando, e a Konami pra não morrer está mudando de direção. Provável terem gasto uma baita grana em novas engines e investido muito dinheiro nos seus últimos lançamentos e não tenham atingido o lucro esperado. Ai é mudar ou dar soco em ponta de faca!

      • Schmidt

        O Castlevania na mão da pessoa certa iria ser ótimo de qualquer forma!!!

  • Tiago Miguel

    VENDO PLAYSTATION 4 COM P.T INSTALADO, APENAS R$5000,00. APENAS 1 EM ESTOQUE.
    Brincadeira, é realmente uma pena o cancelamento de Silent Hills. E agora sem o Kojima a Konami perderá sua última franquia relevante no mercado de games. Eu não duvido que ela realmente saia do mercado.

  • http://www.diegoaugusto.me Diego Augusto

    Que morte horrível, Konami.

    • http://reloading.com.br/ Edu Aurrai

      Descanse em paz… Que as almas sobrevivam em outros cantos.

  • Lucas Vinicius

    A questão foi do video chamado de gameplay e tipo até o jogo sair não lançaram outro gameplay….Um exemplo é da
    Cd Porjekt Red ja ta deixando youtubers jogarem e liberarem a gameplay do jogo em si.

  • IsraelArraes

    Vô comentar XD. Sobre pra quem poderia ir as franquias.

    -Metal Gear Solid – Se ficar a venda, gostaria que fosse pra Sony, já que a franquia é a cara da marca, porém como já falaram que o Kojima não vai querer fazer (e Metal gear sem kojima não é metal gear), espero que o quinto seja o último da série e que termine com chave de ouro.

    -Sillent Hill – Também poderia ser da Sony, já que o jogo, assim como Metal Gear, é a cara da Marca. Sem falar que seria bom pra Sony ter uma franquia de terror exclusiva, já que a Nintendo possui Fatal Frame e a Microsoft possui Alan Wake (que está mais pra suspense, mas quebra o galho).

    -Castlevânia – Essa eu acho que poderia ser da Nintendo ou da própria Sony, mais da Nintendo que da Sony, apesar do principal jogo da série também ser associado ao playstation, acredito que a Nintendo trataria melhor a franquia…eu acho.

    -Contra – Essa merece uma releitura, talvez seja estranho pra vocês, mas Contra poderia se reinventar como um fps, e ninguém melhor pra fazer isso que Microsoft.

    -PES – Essa poderia ir pra alguma third como a Ubisoft.

    • Felipe Mesquita

      Concordo 100%. Na questão do PES, faria muito sentido ir pra Ubisoft mesmo, pra quem sabe ela tentar entrar de vez nesse mercado dos esportes, causando até uma canseira na EA e seu FIFA.

    • http://reloading.com.br/ Edu Aurrai

      Será que Contra se diferenciaria dos outros se virasse FPS? Os tiros pra todo lado talvez..

      • IsraelArraes

        Não sei, isso ficaria a cargo da Microsoft hehe, mas eu não acho que exista mais espaço pra Contra como ele era antigamente…Acho que uma pegada científica de terror aliada a ação daria novos ares a série, acompanhado também de uma boa história com cenários em planetas destruídos…Só endoidando aqui.

  • Inacreditavel_Neo

    Pronto, Edu. Tá feliz?

    Hehehe!!!

    • http://reloading.com.br/ Edu Aurrai

      Confesso que sim.