Reloading #058 – Playstation Ainda Será o Escolhido?

reloading-58

Nesse episódio, Bruno Carvalho, Edu Aurrai e Felipe Mesquita falaram sobre as rumores cada vez mais fortes e as especificações “vazadas” do Playstation 4K (Ou Playstation Neo), o encerramento da fabricação do Xbox 360, a ANATEL culpando os gamers pela limitação imposta na Internet e muito mais.

Duração:  118 min

Comentados:

>Star Fox Zero – The Battle Begins – Curta Animado
>Teaser de um novo Shooter com John Romero e Adrian Carmack
>Trailer de Pyre, novo jogo da Supergiant Games
>Kickstarter do jogo de tabuleiro de Dark Souls
>Mafia III One Way Road Story Trailer

Envie seus e-mails com sugestões, críticas e comentários para ouvinte@reloading.com.br

Siga o Reloading no Twitter @reloadingbr

Curta nossa página no Facebook http://facebook.com/reloadingbr

Assine o nosso Feed http://feeds.feedburner.com/reloadingBR

Ou no iTuneshttps://itunes.apple.com/br/podcast/reloading-atualize-se-gamer!/id991994199?mt=2

Problemas para localizar o Reloading no seu aplicativo de podcasts? Em vez de buscar pelo nome tente usar o link no campo de busca => http://feeds.feedburner.com/reloadingBR

 

Compartilhe:
  • http://www.twitter.com/RaptorHawk Hawk

    Vocês ficaram pistola demais com o PS4 Neo/Pro hein.

  • Louelson Costa

    Mais um excelente cast.

    Muito triste isso dos consoles de meia geração, mesmo que não haja limitações em termos de jogos entre os diversos tipos de console da mesma geração, acho uma prática bem chata e desonesta com o consumidor.

    Se isso realmente vir a tona, e a moda pegar, voltarei a ser PC Gamer…

    Quanto a ANATEL, chega a ser descarado a máfia instaurada. Além dela proibir novas grandes empresas entrarem no Brasil, ela protege as péssimas operadoras que temos aqui, infelizmente. O presidente lá chega a ser uma figura digna de pena, tentando atacar diversos nichos, pensando que vai ficar por isso mesmo.

    Como comentaram, na era da informação, não se pode falar qualquer besteira numa conferência e esperar que as pessoas acreditem, e demonstra a grande falta de conhecimento técnico por parte do presidente. No mínimo, ele deveria ter um técnico responsável por instruí-lo nessas questões, e talvez até tenha, mas mesmo assim escolheu uma desculpa furada para justificar as novas práticas de fornecimento de internet.

    Felizmente os políticos já estão debatendo o assunto, e espero que o resultado seja favorável ao consumidor, apesar de não ser tão otimista com relação ao senado.

    Felizmente o barulho que a internet BR fez ajudou a ADIAR a decisão da ANATEL, esperemos que essas novas franquias não se concretizem, seria um retrocesso muito grande.

  • Victor Guimarães

    Alguém manda link da música? Só achei outras versões

  • Leandro De Medeiros Corrêa

    Fala galera!
    Primeiramente parabéns pelo ótimo programa, assim como todos os outros.

    Só queria deixar aqui minha impressão sobre o Playstation Neo.

    Bom… eu já tenho o PS4 e um PC com uma VGA antiga pros dias de hoje, mas ainda assim bem legal. Mesmo ela sendo antiga (GeForce GTX 770), eu sinto uma diferença MUITO grande dela pro PS4. Do tipo, me arrependi de ter pego o Witcher 3 pro PS4, pq parece que o jogo roda a 20fps no console…

    Tendo a opção, eu realmente prefiro comprar outro console (vendendo o meu PS4 atual e inteirando uma grana), que consiga rodar os jogos próximo como uma performance mais aceitável, a 60fps. Eu nem me importo tanto com os 1080p ou 960p, mas o jogo rodando travadão e dando slowdown me irrita bastante.

    E pelo que ando vendo, os desenvolvedores preferem deixar o jogo bonitão com ~quase~ 30fps, do que deixar mais polido com alguns detalhes a menos, mas rodando liso a 60… ou seja, não acredito que do meio pro fim da geração eles vão conseguir os milagres feito nas últimas gens.

    Até pq, mais do que NUNCA, os jogos de PC e videogame estão muito próximos, e os jogos de PC tem vendido muito bem porcausa do Steam, Origin, GoG e etc… acho que a grande maioria não vai deixar de fazer jogos bonitos pra PC e etc em detrimento da falta de potência dos consoles (Tipo a UBI fez).

    Salvo é claro, as cada vez mais raras excessões dos jogos first party, que aí eles ganham por ter o foco de produzir pra uma plataforma apenas, usando todos os specs disponíveis.

  • Marcelo Fornazari

    Olá Equipe Reloading. Vocês chegaram a jogar o Beta de Mirrors Edge? Joguei por um tempo e percebi que tem bastante conteúdo disponível nele! Vocês foram até o final? Tem ideia de quantas horas de conteúdo ele tem? Se possível falem dele no cast dessa semana na seção ” o que você jogou ” =).
    Abraços,

    • Felipe Mesquita

      Com certeza vai ser comentado no programa #059 😉

  • Alex Sandro Carvalho

    Por favor locadora de série Souls!!! começando do Demons, ótimo. No mesmo feed na minha opinião, não gostaria que dividissem o canal. Parabéns velhos como sempre!!!

  • Bruno Paulo Zub

    Essa musica do final é muito amor!

  • Dcnauta Marvete

    Grande Edu Aurrai, de novo? Ainda não vi Star Wars. O Reloading do fim do ano passado está no celular, aguardando para ser ouvido após eu ver o filme. Na época, não tive como ir para o cinema por problemas pessoais. Na minha cidade do interiorzão, o filme não chegou na locadora (não vou comprar, só assistir). E tbm não baixo filme pirata (hoje em dia). Então tomei outro spoiler na cara. Mas tá beleza. Da primeira vez eu mereci e agora foi tudo compensado só pela referência (espero que tenha sido) à clássica “The House Of The Rising Sun”, talvez a única música que figura ao mesmo tempo no meu top 10 e no do meu saudoso pai. Valeu.

    • http://reloading.com.br/ Edu Aurrai

      Relaxa, é o spoiler mais leve que tu pode tomar. O Mark Hamill mesmo já mandou algumas vezes na internet. O que a gente blipou uns programas atrás sim era pesado. Aquele era spoiler sinistro.

  • João Víctor Faria

    Pelas specs dos aparelhos VR para PC, resta lógico que o PS4 não tem capacidade ideal para processamento. O NEO parece uma tentativa desesperada de não transformar o VR PS4 num fiasco total. Não há volta para o VR, logo parece necessário um hardware minimamente capaz para processamento. Enfim, suposições, somente.

    • Auridian

      Eu acho isso que disse bastante lógico. O VR é um caminho promissor, quem entregar o melhor produto a um custo civilizado vai sair ganhando, acho que a Sony vai querer estar a vanguarda nisso.

  • Wilton Pahim

    Bom Dia, Boa Tarde, Boa Noite a todos os membros e ouvintes do Reloading!

    Começo dando os meus parabéns pela abertura do programa com “Theme of Laura” de Silent Hill, que ficou ainda mais em destaque com a citação da fala do Morfheus em Matrix pelo nosso amigo Edu. Encaixou bem com a fala e vale a pena destacar tambem que o 1° filme de Silent Hill (a melhor adaptação de games para o cinema com toda a certeza) fez 10 anos essa semana, então acabou (de certa forma) uma homenagem a obra no final das contas. Por mais trilhas de SH em casts futuros, eu voto sim! Hehe!

    Sobre essa palhaçada da Sony com o PS4, eu peço a Deus que tudo dito até hoje seja bem diferente quando finalmente eles colocarem os pingos nos “is” na E3 porque se não vai ser um dia muito triste no mundo gamer. E caso seja realizade mesmo esse tiro no joelho (porque doi mais do que no pé) eles teram de mudar o nome de “PS4 Neo” para “PS4 Agente Smith” , porque só for para virar o vilão no final da história façam corretamente.

    Eu tambem joguei o Beta do Doom 4 e foi IDÊNTICO aos bom e velhos tempos jogando o Quake Arena. Não foi ruim, mas faltou mesmo o Beta do modo Silgle Player que é o principal foco (na minha opinião) para se jogar o Doom e qualquer outro game que venha a ser lançado com o modo história.

    Estou no aguardo dessa versão collection dos games da série Arkham para a nova geração desde o ano passado, mas excluir o Arkham Origins da produto final é zoado. Gosto de TODOS os games da série Arkham sem discurção e gostaria de ter todos sem exceções, porque assim sera o mesmo principio que o Uncharted – Nathan Drake Collection sem o Golden Abyss: Ta muito bom, mas podia ser muiti melhor completo. E sim eu adorei Injustice, e sim espero um Injustice 2 com toda a certeza.

    Ótima escolha pra canção de encerramento Felipe. Eu já havia sugerido ele em cast anteriores e é inegável a qualidade dessa trilha sonora do Bioshock Infinite fazendo jus ao restante desse excelente jogo. Assim como você (e vários outros gamers) também estou no aguardo da versão collection para a nova geração, com certeza vai ser incrível. Obrigado novamente pela canção meu amigo.

    E alguém avisa pra que “senhor desprovido de inteligência” (do modo mais educado possível, como o Bruno foi) que é o senhor presidente da Anatel (Sr. João Rezende) que: A internet NÃO É como o sistema da Cantareira, NÃO FAZ parte da Cantareira e NUNCA fará, e sendo assim NÃO HÁ NECESSIDADE de econômizar a internet junto com a água pois ele NÃO IRA SE ESGOTAR como quase aconteceu com a água de nossas torneiras. Que essa outra palhaçada (junto com o novo PS4) acabe logo pelo bem de todos, gamer ou não.

    Aprovo totalmente edições da Locadora do Reloading sobre Demon Souls e Dark Souls, mas peço (mais pra implorando de joelhos) que realizem uma futura edição da Locadora sobre Silent Hill. Adoraria ver a opinião dos membros da bancada não só sobre o 1° jogo mas também sobre os demais jogos da franquia. Deixo aqui minha opinião e sugestão amigos.

    Obrigado por mais ótimo (e enorme) programa meus amigos, até semana que vem!

    Quanto ao fim do Xbox 360 = Halo Reach! Hehe!

  • Bruno Alves

    Vendi ontem o meu Ps4. Comprei o console na semana de lançamento. Já estava chateado com a falta dos grandes exclusivos, só curti o Infamous e as betas do Uncharted 4 que iria comprar. Me senti MUITO traído pela marca que sempre confiei e tive todos os consoles. Pra mim é inadmissível um novo hardware agora, tão cedo, e não um upgrade fácil de fazer. Uma troca de console que nem começou direito e o preço aqui é sempre um roubo… vou ficar só no PC, que nem se compara. Jogo tudo beirando 100fps e na steam direto tem jogo a 7 reais, 10, 15, jogo que no ps4 paguei 180. Com o dinheiro da venda ja comprei uma smartv pro quarto pra curtir meu Netflix, até as operadoras comecarem a roubar com as franquias. Mais essa…

    • Dcnauta Marvete

      Vendeu por quanto, se me permite a pergunta?

      • Bruno Alves

        R$1500,00, com o Uncharted Collection, 1 controle, cabo de recarga e sem o fone que veio junto pq quebrou. GTA V eu manti comigo pra guardar e pq pretendo colocar o mapa dele num quadro, junto com os de Red Dead Redemption.

  • Auridian

    Truck Simulator é um jogo muiiiito bom, adoro jogar bebendo um copo de cerveja bem gelada. Realmente os caras fizeram um bom trabalho com o jogo, e ele fica melhor ainda com um volante. Esse jogo é testosterona pura!

  • Robson Gonçalves

    Uma das musicas que tocaram no Cast.
    Que tema fantástico cara!

    https://m.youtube.com/watch?v=2bxTWWl2g5Q

  • Mateus F. Zanatta

    O engraçado é que, pelos comentários que tenho visto nos sites de games, o pessoal que está gostando dessa notícia parece ser pessoal que também joga no PC, está acostumado e gosta de fazer upgrades na máquina e fica realmente incomodado com os consoles não atingindo a marca ideal de 1080p e 60fps. Em geral eles falam coisas como “esse é o futuro do mercado, se acostume”, “são mudanças que tem que acontecer, a tecnologia melhora muito rápido e os consoles não conseguem acompanhar”.

    Já o pessoal que joga exclusivamente em consoles parece estar mais do lado que não gostou da notícia, com comentários do tipo “se eu quisesse atualizar a cada 2-3 anos, eu simplesmente comprava um PC” ou “se esse é o futuro dos consoles, eu talvez monte um PC”.

    Eu jogo quase exclusivamente em consoles e também não gosto dessa mudança, em especial por razões de otimização. Se todas as empresas resolverem atualizar o hardware a cada três anos, os desenvolvedores nunca terão tempo para ficar realmente familiarizados com os consoles e a gente vai parar de ver aquela mágica de meio pra fim de geração acontecendo. Algo parecido com o milagre do GTA V no ps3 e no 360 não vai acontecer com o PS4 normal, nem com o Xone, caso a microsoft siga a mesma linha.

    Fora que se todas quiserem fazer os novos modelos serem retrocompatíveis e “forward compatibles” também, a gente chega num ponto onde os desenvolvedores, que antes estavam desenvolvendo para 3 consoles diferentes, vão ter que desenvolver para 6 ou 9 versões diferentes de consoles e aí os consoles perdem a vantagem de desenvolvimento que havia neles, de ser uma plataforma fixa, com a qual eles podiam se acostumar.

    • Dcnauta Marvete

      Não tenho paciência para PC. Acho que é porque o meu é fraco. Mas a verdade é que joguei dinheiro fora na Steam. E quero consoles com praticidade, diferentes do PC. As experiências são diferentes. Se as grandes não quiserem repensar esta estratégia, será muito ruim. Talvez eu vire um retrogamer exclusivo.

      • Mateus F. Zanatta

        Eu concordo com você. Eu acho que vou voltar a fazer a mesma coisa que eu fazia quando eu ainda ganhava menos e vou esperar uns 4-5 anos depois do lançamento pra comprar um console. Afinal, jogos não vão faltar, tenho vários no backlog.

        Primeira vez que tive dinheiro pra comprar os consoles em 1-2 anos após o lançamento e as empresas resolvem fazer isso?! Eu tava esperando uma versão slim, mas isso não iria mudar os jogos. Agora lançar uma versão melhor, isso pode ser problemático.

        O pior é que comprei o ps4 no natal passado, depois que eles diminuíram o preço, rs.

        • Dcnauta Marvete

          E eu estava me preparando para comprar o meu no próximo mês, nos States.

          • Mateus F. Zanatta

            É, eu acho que agora vale a pena esperar, rs.
            Eles provavelmente lançam por uns 400 dólares e não deve vir para o Brasil com uma diferença muito grande do valor de hoje em dia.

            Pena que a gente só vai ter uma palavra da sony sobre isso na E3. Até lá não dá pra saber com certeza como vai ser.

      • Auridian

        PC realmente é um mercado um tanto diferenciado (é como aquelas pessoas que tem um automóvel e gostam de mexer neles), a pessoa querer comprar tudo pronto e de última geração pode se sair muito mal. Pra esses casos, é bem melhor um console mesmo; principalmente pra aqueles que não querem ficar preocupados com as específicações, e adaptar o jogo a elas.

        • IsraelArraes

          Pô, definiu bem o mercado de PC, por isso que não é massificado como os de consoles.

  • Douglas Marques

    Gostaria de registrar minha indignação em relação ao desserviço que tem acontecido no podcast em relação a plataforma PC. Vocês estão constantemente fazendo comentários ruins em relação a plataforma. Eu poderia listar um monte de coisas aqui mas só vou mencionar o mais importante: 1- Uma grande parte das vezes que é mencionado PC é pra falar de problemas de performance. Vocês acompanham a Digital Foundry? PS4 e Xbone tem problemas de performance constantes em muitos jogos e nunca vocês comentam sobre isso. 2- Problemas com Drivers no PC: Sério isso? Em 7 anos de PC Gamer eu nunca tive problemas com driver, Steam instala tudo pra mim e eu só jogo. Só lembro de ter problemas com DLL com jogos muito antigos. Ironicamente eu já tive problemas do jogo não funcionar com 2 jogos de Xbox 360 ¯_(ツ)_/¯ . 3-Pirataria: LastGen teve pirataria em todos os consoles. Essa só não tem porque AINDA não conseguiram driblar, mas é questão de tempo. Uma série de jogos vende mais no PC do que nos consoles, a diferença é que o público PC Gamer é muito mais voltado pro RPG e não aceita jogos cashgrab. Você vê essa diferença de público no BF4 e Battlefront
    Tem mais coisas que vocês falam, mas como a frequência é baixa vou me ater a isso.
    Por favor, PC já sofre com DEZENAS de inverdades publicadas por todos os lados, seu público é grande, não façam isso.
    Ainda curto muito vocês, mas é que tá difícil acompanhar o podcast tendo que ouvir isso praticamente todos os programas.

    • SmokeE3 .

      que bom saber que não há problemas de performance no PC, a desenvolvedor faz o jogo e roda em tudo. Se é assim, o PS4.5 tbm não vai ter problemas.

      • Auridian

        Problemas tem sim, mas o que ele disse praticamente é verdade. Qualquer um com um pouco de esforço não terá problemas — e ultimamente os problemas com o que veio para PC foram por causa dos desenvolvedores quererem capar o jogo para que fique similar ao console.
        Ainda com todas as variáveis que possa haver de se “portar” (ainda que tal jogo tenha sido feito em um PC) um jogo, os argumentos das diferentes configurações chegam perto de falácia.

    • Dcnauta Marvete

      Cada um tem sua opinião e experiência. Eu não suporto PC. Juro que tentei (tenho uma conta parada lá na Steam pra provar, cheia de jogos não jogados). Não vejo a galera prestando desserviço, apenas falando da opinião e experiência deles.

      • Douglas Marques

        De fato, nem todo mundo se dá bem com PC. O meu problema com console é exatamente o que agrada muita gente nele: Falta de opção. Muita gente não quer se preocupar com nada, só quer jogar. O problema é quando a falta de opção chega em um ponto onde o jogo que nem me deixa mudar a configuração no controle, o que é um absurdo ter isso em 2016 =S. Mas console é excelente pra algumas pessoas que jamais jogariam se tivesse que ser no PC, e também pra crianças (já que fariam igual meu cunhado que baixa 2000 vírus no PC e trava tudo hahaha).

    • Gabriel Anjos

      Eu nem tenho consoles, gastei muito no meu PC para conseguir manter mais plataformas hehe. Concordo, realmente não vemos muitas notícias além dessas no Reloading sobre o glorioso PC master race, eu ouço mais para ficar informado sobre os consoles. Pelo que lembro, na semana em que lançou Stardew Valley, que estava fazendo um sucesso gigante, aguardei uma citação nos lançamentos da semana e nada… Mas se eles não são adeptos da plataforma(tirando o Edu, se não me engano), acho que não da para pedir pra eles falarem disso. Geralmente, ouço o jogabilida.de para complementar, lá eles falam um pouco mais do PC.

      • Douglas Marques

        Cara, até no jogabilidade eu vejo os caras proferindo umas inverdades =/ . Tipo “ahh, eu ganhei o jogo no PC mas vou jogar no console porque roda melhor e porque posso jogar na TV”. 1- Esse jogo que eles falaram tava uma lástima no PS4 (tinha video no Digital Foundry) 2- Acho que desde 2009 as placas de vídeo (e algumas mãe) ja´vem com saída HDMI. Não joga na TV porque não quer. // Esse é o tipo de coisa que me irrita. Mas eu ainda curto o jogabilidade e ouço direto.

    • Schmidt

      Joguei por muito no PC. E fora a dificuldade de ter de fazer upgrade em torno de 3 a 4 anos, isso dependendo do jogo pois muitos games multiplataforma rodam muito melhor no PC do que no console. Resolvi ir para os consoles de vez pelo custo das peças de PC, afinal com R$1.500 não se monta um PC descente, e pelos exclusivos da geração passada que foram ótimos. Tirando isso o PC é uma plataforma ótima para games, o steam é prova disso e realmente falta um pod cast que dê mais atenção ao PC gamer… Se os rumores se provarem verdade pulo fora da Sony, e volto para o PC ou vou para outros consoles da concorrência. E galera, da pra ligar tranquilo o PC na TV, aproveita e bota no big picture da steam…..PC Console!!

      • Auridian

        1500 dilmas dá pra montar um PC decente (não dá pra montar um PC decente com tudo ultra, claro), tem muitas placas de video boas abaixo de R$300 e o que mais conta é ela e o processador. Acho que o upgrade na plataforma não é tão rápido assim, dá pra durar bem mais que o tempo de mudança de geração de consoles — e se a pessoa escolheu peças boas, dá pra durar até duas gerações inteiras (e se souber fazer tweaks nelas, como overclok, digo que até trẽs gerações).

        • Schmidt

          Dei uma pesquisada nos preços e mesmo na Sta Efigênia tá bem caro as peças…. Dólar alto demais!

          • Auridian

            Sim, tá bem caro. Minha placa de vídeo na qual comprei por R$190 na Kabum, hoje tá R$300 assim como muitas peças subiram o preço. Mas o computador decente abaixo daquele valor ainda dá pra montar, no entanto que vocẽ queira jogar com o desenpenho bom a 720p.

  • Luciano Bullock

    Acho estranho o Batman Origins, parece que tudo nele é simplificado, dá impressão que pegaram um jogo de portátil e jogaram no console.

    Eu passo mal tentando jogar Mirror Edge, se eu tentasse jogar com VR, entrava em coma.

  • Genilson

    Olá pessoas, o podcast está cada vez melhor, obrigado!

    Tem uma coisa que vocês estão falando nos últimos programas sobre o 4K que eu não concordo, quando vocês falam que não veem diferença entre 4K e 1080p em TVs perto de 40″. Meu ponto é, olhando 3 TVs FullHD de 37″, 40″ e 47″, sendo a mais antiga a de 37″ todas da mesma marca e de LED, quando se coloca o mesmo conteúdo em FullHD, a imagem mais bonita é na de 37″. Posso também usar como exemplo celulares, mesmo os com tela TFT/LCD os que possuem maiores resoluções tem as imagens mais bonitas sendo que as telas são pequenas e a menos que você use um cardboard não é possível enxergar pixel. Claro que o conteúdo tem que estar na resolução correspondente, mas não concordo que uma TV 4K por volta de 40″ não tenha o que oferecer.

    No mais, continuem com o ótimo trabalho! 🙂

    PS: Bruno você está ficando mais amargo a cada programa, tanto aqui quanto no 99vidas, mas é engraçado, e não você não é imparcial ahuahuahuahuahu

    • IsraelArraes

      Cara, na moral, a diferença pra mim do 4K continua sendo algo que não impressiona, pelo menos das que eu vi no Shopping, mas enfim isso é pessoal.
      Já sobre a amargura do Bruno, acho que é devido as notícias ruins do mundo dos consoles, as empresas tão vendendo bem, mas é triste você ver a microsoft e a Sony com claras intenções de deixar esse mercado. Isso decepciona um pouco os consumidores de consoles. Soma isso a essa merda de limitação da internet…Vivemos em tempos ruins e de amargura mesmo.

      • Douglas Marques

        Até pra mim que sou PC Gamer desde pequeno acho 4k um exagero que não vale a $$pena$$. Acho que daqui pra frente o foco deveria ser 1080p 60fps para todas as plataformas. Sem contar que dá pra adicionar outras coisas além de resolução como melhor AI, destruição de cenário, etc. =)

        • IsraelArraes

          Concordo, acho que é um tecnologia que veio muito cedo. Daqui a 5-10 anos quem sabe?

    • Auridian

      Mas depende muito da distância em que você está em relação a tela, e da frequência dela. Por isso, que pra mim, não compensa sair dos 720p, o espaço da minha casa é muito limitado pra eu possa fazer estratégias mirabolantes pra encontrar o melhor ponto pra jogar (tendo um ganho grafico que não compensará o trabalho feito) sendo que o que já tenho já me satisfaz, só me preocupo com desempenho.

  • Pablo Suarez

    A única maneira de eu aceitar o PS4K seria se falassem que seria um console apenas para VR, afim de baratear o preço da tecnologia e não precisar da caixinha de alívio que virá no VR

  • Robson Gonçalves

    Foi Rapido! Baixando já!

  • IsraelArraes

    Meu maior medo não é da Sony fazer isso, mas sim das pessoas aceitarem.

    • Mateus F. Zanatta

      pois é, pois se isso der certo e eles venderem bastante, aí as outras empresas podem começar a fazer também. E ia ser realmente ruim ter três atualizações de console durante uma geração.

      • Dcnauta Marvete

        Vc e o IsraelArraes postam comentários muito bons, nmho.

        • Mateus F. Zanatta

          valeu, cara. =)

      • Douglas Marques

        Acredito que o que está obrigando eles a fazerem isso é eles não terem investido tanto no hardware do console como foi na geração passada. A GPU do X360 era melhor que a melhor placa de vídeo da época por um preço mais barato que a própria placa sozinha. Já a GPU do PS4 é 1/3 da melhor placa de vídeo de 2013. Em Jun/2014 já tinha PC igual a um PS4 por $400. Agora tão tentando correr atrás mas temo que vão lesar o consumidor nessa brincadeira. Deveriam esperar dar uns 6 anos pelo menos =/ .

        • Mateus F. Zanatta

          Eles fizeram isso porque queriam ter lucro nos consoles desde o início. E quem mais comeu bola foi a MS, que poderia ter lançado o Xone por $500 com um hardware melhor, mas gastou dinheiro com o desenvolvimento do kinect.
          E eu concordo com você. No final desse ano, já fazem 3 anos de lançamento, porque não esperar mais uns 2 ou 3 e já lançar um console realmente novo com um belo upgrade em 2018 ou 2019?

          • IsraelArraes

            Concordo, os caras acham que tem que fazer geração de 7 anos. Pô, lança um novo Xbox em dezembro de 2018, e um novo PS4 em meados de 2019(já que este está dando muito certo). Pronto, tudo resolvido.
            Isso vai fazer o NX ficar só 2 anos concorrendo com a 8°geração.

  • Darth Paul Poor Traaais

    A comparação pode parecer injusta ou descabida mas o PS3 Fat e o PS3 Slim tiveram diferenças significativas. Essa história do PS4NEO e o PS4 está bem parecido, o que seria um acerto e um erro, ao mesmo tempo.
    Acerto pela “evolução” do console, mostrando que o ciclo de upgrades pode ser bem mais rápido do que o da geração anterior. Erro por conta de uma série de melhorias que já poderiam ter sido incluídas na versão original.
    Enfim, não fiquei triste nem feliz com o NEO. Uma coisa é certa, enquanto meu PS4 estiver funcionando eu não tenho a menor pretensão de comprar o “Escolhido”. A Sony talvez esteja arriscando muito pra ganhar pouco. Complicado…

  • Diego Gonçalves Teixeira

    Esses nomes e capas do Reloading são todos feitos com consultoria da praça é nossa rhaeirhaeiuhraeihraeiuh, Bora ouvir.

  • thenets

    PS4 Neo – Jeito simples de vender um Hardware melhor: mantém um console igual o PS4 normal e coloca um acessório melhor pro output de video, igual do PS VR, com upscale. Ou seja, o jogo roda no hardware original, em 1080p ou 4K e com 60fps. Olha que lindo.